CALDO LACTOSE. FRASCO 500 G

Referência: K25-611202


Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível

APLICAÇÃO:

O CALDO LACTOSE É UTILIZADO PARA CULTIVO E DETECÇÃO DE SALMONELLA E COLIFORMES EM ÁGUA, PRODUTOS LACTICÍNIOS E PRODUTOS FARMACÊUTICOS.

PREPARAÇÃO:

SUSPENDER 13 G DE PÓ EM 1 LITRO DE ÁGUA DESTILADA OU DEIONIZADA. AQUECER ATÉ DISSOLVER COMPLETAMENTE. DISPENSAR NOS RECIPIENTES FINAIS ESTERELIZADOS COM OU SEM TUBOS DURHAM. ESTERILIZAR EM AUTOCLAVE A 121°C POR 15 MINUTOS.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS:

COMPOSIÇÃO                         G/L

EXTRATO DE BIFE                   3,0

PEPTONA                                 5,0

LACTOSE                                5,0

PH FINAL=                   6,9 + 0,1 A 25°C

APARÊNCIA DO MEIO:

DESIDRATADO: PÓ BEGE CLARO A CASTANHO CLARO, FLUIDO, HOMOGÊNEO.

PREPARADO: PÓ AMBAR CLARO PARA MÉDIO E SEM PRECIPITAÇÃO SIGNIFICATIVA.

CONTROLE DE QUALIDADE:

MICRORGANISMOS                           ATCC                CRESCIMENTO        GÁS

ESCHERICHIA COLI                          25922                BOM                        +

SALMONELLA TYPHI                          6539                  BOM                        -

KLEBSIELLA PNEUMONIAE                13883                BOM                         +

ARMAZENAMENTO:

O PÓ É MUITO HIGROSCÓPICO: ARMAZENAR ENTRE 10-30°C, EM UM AMBIENTE SECO, EM SUA EMBALAGEM ORIGINAL BEM FECHADA. UTILIZAR ANTES DA DATA DE VALIDADE INFORMADA NO RÓTULO OU ATÉ QUE OS SINAIS DE DETERIORAÇÃO OU CONTAMINAÇÃO SEJAM EVIDENTES. ARMAZENAR EM TUBOS PREPARADOS ENTRE 2-8°C.

DESCARTE:

NÃO DESCARTAR EM ESGOTOS E LIXOS DOMÉSTICOS. O PRODUTO DEVE SER TRATADO CONFORME AS REGULAÇÕES OFICIAIS ADMINISTRATIVAS. SOLUÇÕES EM EXCESSO E NÃO RECICLÁVEIS DESTINAR PARA EMPRESA RESPONSÁVEL. AS EMBALAGENS CONTAMINADAS DEVEM SER ELIMINADAS COMO PRODUTO NÃO UTILIZADO.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características